MAUS TRATOS AOS ANIMAIS


MAUS TRATOS AOS ANIMAIS-qualquer cidadão pode fazer a denuncia: CRMV- Unidade Regional do Sul de Minas Gerais. Delegado Dr. Marden. 35/ 3221-5673. Horário: 8 ao meio dia, 13 até 17 h. E-mail: crmvmg.suldeminas@crmvmg.gov.br

quarta-feira, 10 de julho de 2013

Atitudes que fazem a diferença I - coisas que ninguém vê

"O café pendente"
"Entramos em um pequeno café, pedimos e nos sentamos em una mesa. Logo entram duas pessoas:
- Cinco cafés. Dois são para nós e três "pendentes".
Pagam os cinco cafés, bebem seus dois e se vão. Pergunto:
- O que são esses “cafés pendentes”?
E me dizem:
- Espera e vai ver.
Logo vêm outras pessoas. Duas garotas pedem dois cafés - pagam normalmente. Depois de um tempo, vêm três advogados e pedem sete cafés:
- Três são para nós, e quatro “pendentes”.
Pagam por sete, tomam seus três e vão embora. Depois um rapaz pede dois cafés, bebe só um, mas paga pelos dois. Estamos sentados, conversamos e olhamos, através da porta aberta, a praça iluminada pelo sol em frente à cafeteria. De repente, aparece na porta, um homem com roupas baratas e pergunta em voz baixa:
- Vocês têm algum "café pendente"?
Esse tipo de caridade, apareceu pela primeira vez em Nápoles. As pessoas pagam antecipadamente o café a alguém que não pode permitir-se ao luxo de uma xícara de café quente. Deixavam também nos estabelecimentos, não só o café, mas também comida. Esse costume ultrapassou as fronteiras da Itália e se difundiu em muitas cidades de todo o mundo." Dica do Julio Fontes do Coletividade
Se ainda não conhece o blog RPA clica aqui >> http://bit.ly/XcaM85

Sinceramente, acho muito louvável essa atitude e acredito que o caminho é esse mesmo, porém, será que aqui no Brasil isso funciona? Os comerciantes brasileiros estão mais preocupados em "não espantar a freguesia" e uma pessoa das ruas, suja, não será bem vista por eles. Estou errada? Eu costumava ver pessoas carentes perto das lanchonetes e restaurantes em São Paulo e a preocupação do dono do local era sempre a mesma: que não entrassem. Lembro uma vez que ia deixar um lanche pago para um menino que me olhava e o atendente não aceitou. Se eu quisesse comprar e levar para ele comer lá fora tudo bem, caso contrário podia esquecer. Isso é Brasil!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Política de moderação de comentários:
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência.

EPTV SUL DE MINAS